quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Tutorial NetLimiter - Parte 1

Para começar, vou abordar a instalação e a configuração do NetLimiter, que é um programa para equilibrar a utilização de banda por programa.
As suas possíveis utilizações são:
  • Equilibrar banda entre os programas, evitando que a navegação fique comprometida por um download ou upload.
  • Compartilhar a banda total com outros computadores sem afeta-los muito.
Na parte 1 vou mostrar como configurar o netlimiter sem sua própria máquina e na parte 2 como fazer o gerenciamento inteligente e remoto.
Primeiramente, você pode comprar ou apenas baixar a demonstração (28 dias) no site www.netlimiter.com, nesse caso vamos utilizar o NetLimiter 2 Pro.

Instalação



Instalação normal, sem complicações, apenas pedindo para reiniciar no final.





Nesse caso, como não vou abordar a configuração do firewall, optei por não ativar, que pode ser ativada a qualquer momento depois do programa instalado.

Depois que reiniciar o computador, o ícone do NetLimiter deve aparecer na área do relógio do windows.

Conhecendo o NetLimiter

Essa é a tela principal do NetLimiter, marquei as partes mais importantes para o uso comum.

  1. Lista de processos registrados.
  2. Serão listados todos os processos utilizados pelo Windows e os programas que forem registrados.
    Para registrar algum programa é necessário apenas que execute o programa e que haja algum tráfego de dados.

  3. Utilização total em tempo real da banda entrante (download) pelo computador.
  4. É mostrado ao lado a identificação do computador, nesse caso o nome do computador é TESTE_VIRUS, quando há algum tráfego de dados, estará sendo marcado em bytes.
  5. Utilização em tempo real da banda entrante (download) por cada processo.
  6. Limite de download de cada um dos processos (em bytes).
  7. Utilizei a medida em bytes, para configurar corretamente a quantidade de banda, multipliquei a quantidade de Kbytes desejada por 1024.
  8. Painel de controle para banda sainte (upload).
  9. As mesmas regras são válidas para o upload.
  10. Unidade de medição (estarei utilizando bits).
  11. Zona a que pertençe essa configuração.
  12. Como utilizo uma conexão PPPoe não foi necessário configurar as zonas.
  13. Categoria dos processos.
  14. Divido em Online, Offline e Hidden(escondido). Ficando em Online todos os processos que estão abertos e que não foram categorizados em Hidden.
    Em Offline ficam todos os programas que já foram registrados junto ao NetLimiter.
  15. Painel de configuração de limitação ou de garantia de banda.
  16. A garantia de banda será abordada posteriormente

Para a correta configuração da banda é necessário saber a velocidade máxima da conexão.
No meu caso utilizo Velox de 1Mb, 1024 Kbits, ou 128 KBytes. Tendo a velocidade máxima real em 110 KBytes por segundo.

Para garantir que um programa não utilize a banda inteira disponível, só é preciso dar 2 cliques no limite individual do processo, inserir a velocidade máxima e apertar SET. Depois é só marcar a caixa correspondente ao processo.

Para exemplificar fiz o download da iso do Ubuntu 9.10. E como esperado a velocidade máxima estava perto de 110KB/s (nesse caso 105KB/s)




Inseri o limite de 50000 Bytes (aproximadamente 50KB) para o processo do Firefox. O NetLimiter tenta limitar a utilização da banda na faixa selecionada, podendo ficar pouco acima ou abaixo do esperado.
O limite pode ser inserido para uma conexão feita a um determinado servidor, para isso basta expandir as conexões feitas pelo programa apertando no "+" do processo e verificar qual é a conexão a ser limitada.

Mesmo exemplo para o upload, sabendo que a velocidade máxima de upload varia entre 23 e 27 KB/s.



Após limitar todo computador para utilizar apenas 10KB/s (aproximadamente).

Para esconder um processo só é necessário clicar com o botão direto no processo e selecionar "move to hidden".

O processo de "Grant" (garantir) funciona da seguinte maneira: após selecionar a banda alocada para o programa (similar ao limite) e marcar para ativar. O NetLimiter tenta garantir a banda mínima selecionada, um bom exemplo de aplicação é com programas de VOIP ou browsers para garantir uma comunicação fluente.

Quando estiver compartilhando a internet com outras pessoas, sugiro que configure o computador para utilizar 70% da banda total. Assim ninguém ficará prejudicado com os downloads das outras máquinas.

Essa foi a primeira parte do tutorial, havia mais algumas outras imagens para inserir, mas o editor do blogger começou a querer me atrapalhar, não está querendo copiar texto, nem imagens, nem o html. ;/

Logo que possível mostrarei a coisa um pouco mais avançada, tirando esse bê-a-bá e indo para uma utilização mais hardcore.
Por favor, comentem e se houver qualquer erro gramatical, podem falar. Até pq já são 02:30 e estou ainda a escrever, meio moribundo, mas escrevendo.

Abraços e boa sorte.

3 comentários:

  1. go bob go!

    2:30 só ?
    hehe ficou massa esse tuto

    ResponderExcluir
  2. Parabéns Bob! Tutorial simples, direto e bem prático!

    ResponderExcluir
  3. tem como usar isso para controlar a banda de outro pc na rede ?

    ResponderExcluir